Ipatinga, 15 de Outubro de 2019
NOTÍCIAS

Atleticano irá correndo de "Ipatinga a BH" pagando promessa



Gil sairá de Ipatinga no próximo dia 28, e tem chegada programada em BH para o dia 1º de setembro

Foram mais de 40 anos em busca de um título de expressão. A última vez foi em 1971, no primeiro Campeonato Brasileiro, na época de Dadá Maravilha e Telê Santana. O pedreiro Gil dos Santos Silva, de 37 anos, não era nem nascido. Mas coube a ele e a sua geração de atleticanos ver o time alvinegro conquistar o maior título interclubes da América: a Libertadores. Tamanha foi a vontade de conquistar este caneco que ele fez uma promessa inusitada: ir de Ipatinga até a Cidade do Galo, em Vespasiano, correndo. A fé na conquista fez a sua parte, o time fez a sua parte. Agora é a vez de Gil. A caminhada começa no próximo dia 28.

Gil explicou que a promessa foi feita, inicialmente, no ano passado. O intuito dele era fazer os 224 quilômetros que separam a cidade do Vale do Aço e a capital de Minas em comemoração ao título de Campeão Brasileiro de 2012. A campanha do Atlético foi boa, mas perdeu o título para o Fluminense, e a promessa ficou para um próximo ano. Com o vice-campeonato de 2012, o Galo se classificou para a Libertadores. Mas a promessa só foi ‘revalidada’ após a derrota para o São Paulo, no último jogo da primeira fase. Jonas Pereira Fernandes, são paulino e amigo de Gil, ficou zoando o pedreiro, falando que seu time tinha ‘ressuscitado’ o time paulista. Foi ai que Gil se comprometeu. “A gente precisava de um título, precisava muito. E o Jonas tava me zoando. Ai eu disse que se o Galo fosse campeão, eu iria a pé até a Cidade do Galo. Ele ouviu e colocou rápido no facebook. Eu disse que não tinha problema, porque o Galo iria ser campeão e eu iria cumprir a promessa”, afirmou Gil, agora campeão da Libertadores 2013.

. Trajeto

O atleticano espera fazer o trajeto em cinco dias. Ele terá as despesas custeadas pela Faisão Resort e pela Faisat. Eles disponibilizarão também um carro para acompanhar Gil durante todo o trajeto, que irá atrás do corredor, a cerca de 500 metros, garantindo a segurança. O carro também terá medicamentos e outros itens necessários para eventualidades. Tudo para garantir que Gil cumpra a sua promessa. A programação do atleticano é a seguinte: saída no dia 28 de agosto, do Posto Faisão, na BR-381. Após correr cerca de 50 quilômetros, a intenção é pernoitar na cidade de Antônio Dias. No segundo dia do trajeto, Gil pretende correr até a cidade de João Monlevade, cerca de 111 km. A terceira parada é em Bom Jesus do Amparo, com mais de 150 quilômetros do percurso já concluídos. A intenção de Gil é dormir já em Belo Horizonte no quarto dia, completando cerca de 210 quilômetros, e usar o quinto dia, 1º de setembro, para fazer o trajeto caminhando dentro de Belo Horizonte até Vespasiano, na cidade do Galo.

. Maratonista

Para quem pensa que Gil é um louco atleticano que fez uma promessa impossível de se cumprir, está enganado. Além de atleticano fanático e pedreiro, Gil é maratonista. “Comecei a correr aos nove anos de idade e nunca mais parei. É algo que eu gosto de fazer. Nos meus treinos, costumo correr cerca de 15 a 20 quilômetros por dia. Já disputei a Maratona de Brasília, de 42 quilômetros, e a volta da Pampulha (18 quilômetros), além de competições regionais, entre elas a Corrida Rústica. Mas realmente esta promessa é o maior desafio que já fiz. Serão uma média de 40 a 50 quilômetros por dia, por cinco dias seguidos. Realmente é puxado, mas vou com fé. A mesma fé que fez o Galo ser campeão vai me fazer chegar lá”, disse Gil.

. Fé

Além da caminhada, outra parte da promessa é entregar duas imagens de Nossa Senhora da Aparecida, uma para o Ronaldinho Gaúcho e outra para o Cuca. “Comprei elas antes da gente conseguir o título. Foi a Nossa Senhora que nos ajudou a conquistar a Libertadores”. Alias, o tempo dessa Libertadores foi uma das épocas que Gil mais fez preces em sua vida. No jogo de volta contra o Tijuana, após empate em 2 a 2 no México, Gil estava trabalhando na roça e tinha apenas um radinho de pilha para ouvir o jogo. “E o radinho custou a sintonizar no Caixa. A primeira vez que consegui, ouvi um a zero para o Tijuana. Desesperei, e perdi o sinal. Depois consegui sintonizar de novo, e o jogo tava quase acabando, mas tava 1 a 1. Então veio aquele pênalti. Eu ajoelhei no chão, ao pé do rádio, e orei. Pedi pra Deus deixar o Galo passar. Que eu tinha prometido para ele que iria a pé até Belo Horizonte e iria. Orei em voz alta, e quando fechei a boca, só ouvi o Caixa gritando: Defendeu Victor”, contou o atleticano.

. A final

Gil conta que um dos momentos em que mais sofreu foi na final. Ele começou a assistir ao jogo em um bar, mas quando terminou o primeiro tempo e o placar permanecia no zero a zero, ele resolveu ir para sua casa terminar de assistir o jogo lá. Enquanto ia, um amigo palmeirense falou para o filho de Gil que seu pai tinha prometido correr até BH, mas tava era correndo para casa, para não passar vergonha. Além disso, falou que a santa de Gil era fraca. “Eu só respondi que ele tava mexendo com algo que ele não sabia, que a gente ia ser campeão sim, e eu ia correndo até Belo Horizonte. Fui para casa terminar de ver o jogo com a minha esposa, e quando o Jô fez 1 a 0 eu pirei. Sabia que ia dar. Quando Leonardo Silva fez o segundo então, eu tive certeza. Eu tava com uma fé danada que o time ia ser campeão. Quando foi pros pênaltis eu já sabia. E foi o que aconteceu. Agora me resta cumprir a promessa. Tá todo mundo falando que é loucura, mas eu tenho noção do que to fazendo. Na fé de Deus a gente vai. A fé que fez o Galo campeão vai me levar daqui lá. Nem que eu vá rastejando, mas vou chegar lá.”, contou o atleticano.

. E o mundial?

Questionado se faria alguma promessa para o Atlético vencer o Bayern de Munique e se tornar Campeão Mundial antes do seu principal rival, o Cruzeiro, ele ‘correu’. “Não, ainda bem que não fiz promessa pro Marrocos. Deixa esse trem de promessa pra lá. Agora é só torcer pra ser campeão mesmo, só torcer”, finalizou Gil.

Fonte: http://www.jvaonline.com.br


 

Copyright © 2012 Todos os Direitos Reservado - www.euamoipatinga.com.br
Eu Amo Ipatinga - E-mall : contato@euamoipatinga.com.br